terça-feira, 19 de abril de 2016

Dedicação de um Altar à Gaia



Em comemoração ao Dia da Terra, dia 22 de abril o Iseum Rosa de Gaia convida a todos os seus membros e amigos a realizarem o rito "Dedicação de um Altar a Gaia", parte do trabalho do Iseum pela Irmandade de Isis/Fellowship of Isis.

https://drive.google.com/file/d/0B9gwUp_6wrrkcUZvSWQxamt5UEU/view?usp=sharing

DEDICAÇÃO DE UM ALTAR À GAIA
Ritual número 1

ORÁCULO DA DEUSA GAIA

O altar é o coração de um cômodo, de um apartamento, de uma casa. Sua chama eterna sempre foi mantida pela senhora da casa. Se não existe nenhuma senhora, um homem é quem cuida e mantém a chama acessa em nome da Deusa. A chama não precisa estar necessariamente acessa todo o tempo. É mais uma luz psíquica, uma vez dedicada, sempre estará lá. É a chama de Vesta. Se não tiver nenhum lugar para estabelecer um altar, este pode ser no quarto do devoto ou mesmo na sala de estar, os objetos sagrados então deverão ser guardados em um baú.

No altar, que deverá ser uma mesa ou um suporte, coloque uma imagem da Deusa. Em cada lado coloque uma vela, um recipiente com água, uma planta ou um pouco de terra. Deixe incensos queimando e uma outra vela acesa. Se estiver com outras pessoas, estas poderão contribuir com a oferenda aos elementos.
Invocação à Gaia
  
Devoto: Grande mãe e Senhora de tudo o que foi, é e será. Corpo no qual a vida cresce fértil e completa, os rios que correm em seu corpo alimentam a vida e fluem em harmonia com o movimento do cosmos, assim como todos os mistérios, ritmo e experiência são abençoados pela sua graça e sua eterna e infinita luz e amor.
Oráculo

Saiba que aquele que procura por mim pode sempre me encontrar no punhado de tera que está em tudo e sustenta tudo, pois EU estou sempre em tudo, Sou completa e perfeita. Dentro de seu corpo meus rios fluem – Sangue, lágrimas, suor e leite. Na sua carne está toda a manifestação e potencial da vida. Dentro do seu ser são mantidos os mistérios e poderes, os quais são desconhecidos a ti, vida e morte acontecendo simultaneamente o tempo todo, pois seu corpo é o meu corpo e através do seu corpo você pode se conectar comigo e vir a mim. Dentro de ti eu cuido de tudo, a dinâmica e harmonia da existência.  Mas saiba que se do meu útero brota a vida, pelos rios da morte ela deve fluir. Através do caldeirão dos mistérios tudo se transforma, tudo retorna. Procure pela minha sabedoria em seu corpo: Seu fôlego se movimenta em sincronia com o meu, contraindo e se expandindo, assim como o meu útero dando a luz. O sangue que corre em seu corpo, limpando o seu corpo, assim como as águas que fluem dentro da terra, os lençóis freáticos. Seu coração sempre pulsante que te anima, é como o meu núcleo, cheio de magma, calor e luz. Em mim nunca há fome, em mim nunca há a necessidade. Honre e respeite o seu corpo, pois é seu instrumento e meio para me conhecer, assim como um punhado de terra nunca é a terra por inteiro, mas parte dela. Um dia você deverá retornar a ela e conferir-la o potencial de vida. Mas lembre-se: Para que o novo seja criado, o velho precisa esvanecer. A semente precisa morrer para dar lugar a árvore, a gota de chuva precisa se tornar o oceano. Deixe que a mudança e a renovação sejam bênçãos em sua vida, pois o movimento é a essência da vida, a minha essência. Por essa transformação dias nascem e morrem, a lua muda e os anos passam. Essa é a minha sabedoria, tudo está em tudo.

Canto:Gaia- Gaia- Gaia.

 (Devoto coloca uma mão sobre o recipiente com água, então o levanta em frente ao altar e respinga um pouco dela sobre a pedra ou punhado de terra.)

Devoto: Aceita, Oh Deusa, essa água. Que as minhas emoções serenas reflitam o divino propósito, para que esse altar seja abençoado pelo Teu Espelho. 
 (Devoto oferece incenso em frente ao altar até a fumaça subir)

Devoto: Aceita, Oh Deusa, esse incense. Que a vontade faça a sua parte nos planos divinos. Para que este altar ganhe vida pelo fogo que queima em seu interior. Graças são dadas à Gaia, para que este altar seja abençoado pela Sua graça.
(Devoto coloca um pouco de água em movimento circula entre as sobrancelhas.)

Devoto: Que me seja dada Inspiração!
Agora o devoto, senta e fecha os olhos, deixe que Gaia conduza a meditação, deixe que Ela te leve para o centro da terra e te abençoe com sua Graça e Amor. Energias de cura são enviadas para a cura do Planeta Terra.

Devoto: Salvadora Imortal, de muitos nomes, Grande Gaia! Protetora de mães, filhos e famílias, conselheira e profetisa! Que as suas bênçãos se estendam a todos aqueles que amo e a todo o planeta. Que seus conselhos me guiem e orientem no caminho árduo da vida ao qual agora confio a Ti grande e sábia Senhora da vida e da morte. Que seu amor cure (Devoto levanta as mãos e fala os nomes dos entes queridos e amigos amados que deseje que receba as energias de amor e harmonia) Em nome de Gaia, que todos os seres sejam abençoados, anjos e humanos, animais e pássaros, répteis, peixes, insetos, árvores e plantas e todos os elementos. (Devoto respinga um pouco de água no chão) Gaia eu te agradeço pelas bênçãos que me garante, após este rito eu volto para minha vida mundana repleto com o seu amor e com a consciência de que aqueles que rezam a ti serão sempre prósperos e bem nutridos pela sua força e amor.


 (Devoto apaga as velas, coloca um pouco de água entre as sobrancelhas, fazendo movimento anti-horário. A água abençoada pode ser guardada para visões e para cura. Mesmo uns segundos de silêncio com a ajuda da visão podem trazer comunhão com a Deusa e harmonia com seus amigos. Agora dance, deixe a energia da Deusa tomar conta de ti!)

Nenhum comentário:

Postar um comentário